SEGUROS DE VIDA EM PORTUGAL

Os seguros de vida em Portugal são dos seguros mais importantes neste momento, pois com a crise que o país e a Europa em geral atravessam desde 2008, e também porque em 2009 saiu o decreto-lei 222/2009, que os titulares de um crédito à habitação podem transferir o seguro para a seguradora da sua escolha, sem possibilidade de serem penalizados.

O decreto-lei 222/2009 permanece alterado até hoje, 2020, pelo que desde a sua entrada em vigor que muitas pessoas têm podido beneficiar de reduções de prémio mensal na ordem dos 60%.

As coberturas mais importantes de um seguro de vida são a morte, primeiro, e depois a invalidez, que tanto pode ser do tipo Invalidez Absoluta e Definitiva como do tipo Invalidez Total e Permanente.

Portanto já sabe que quando for escolher seguros de vida ou seguro de vida, a sua maior preocupação vai ser a de escolher qual o tipo de invalidez que tem já no seguro feito no banco, e qual a que vai escolher para passar a ter a partir de agora.


A Invalidez Absoluta e Definitiva num seguro de vida serve para cobrir casos de invalidez muito graves, e só esses, e em que a pessoa segura já não consegue fazer os actos normais de vida de forma independente, tendo que ter o auxílio de uma outra pessoa.
A inclusão desta cobertura é obrigatória para todos os contratos de crédito habitação (porque neste caso específico estamos a falar de seguro de vida para crédito habitação).

Por outro lado, um seguro de vida com a cobertura de Invalidez Total e Permanente, é diferente, porque esta garante melhor uma situação de dificuldade da pessoa segura. E isto porque funciona com dois requisitos que são cumulativos: por um lado a invalidez física, que é determinada por junta médica e que pode ser de 65% ou 60%. A Invalidez Total e Permanente de 60% é melhor que a de 65%, porque “basta” atingir uma invalidez física de 60% para passar ao próximo requisito.
Esse é o da invalidez profissional, em que igualmente uma junta médica determina se a pessoa segura naquele seguro de vida está ou não apta a exercer a sua profissão, ou outra compatível com os seus conhecimentos e aptidões.
Esta garantia já é obrigatória em quase todos os contratos de crédito habitação.

Aquele que podemos chamar como o melhor seguro de vida é o que tem a cobertura de Invalidez Total e Permanente pelos motivos explicados atrás.

Eis o modo como funciona um seguro de vida: no caso de ocorrer uma morte, e não tiver ocorrido por nenhuma situação excluída na apólice, a seguradora liquida o crédito junto do banco.
No caso de ocorrer uma invalidez, e novamente se não tiver ocorrido por circunstância excluída no seu seguro de vida, a seguradora liquida a dívida ao banco e a casa passa a ser sua.

Para mais informações pode recorrer a uma empresa especialista em seguros de vida como a SEGURAMENTE e obtenha a sua simulação de seguro de vida, usando o simulador de seguro de vida para crédito habitação que está ligado a 25 seguradoras

Please follow and like us: